Teatro para aplaudir em casa com suas crianças

Teatro para aplaudir em casa com suas crianças

Teatro para aplaudir em casa com suas crianças

por Dib Carneiro Neto

Data e hora

24/11/21—28/11/21

Recomendação etária: Livre

Ingressos: Grátis

Acesse as obras indicadas aqui:
Sesc Digital

Nestes tempos de isolamento social, o teatro infantojuvenil foi se abrigar de forma bastante numerosa nos meios audiovisuais – e agora... é link que não acaba mais! A turma do teatro se adaptou tão criativamente às câmeras, às lentes e aos ring lights que isso emociona – ainda mais um crítico veterano como eu, que viveu para ver, mais uma vez, a garra desses artistas se transformar em potência diante de uma crise de dimensões trágicas. O teatro nunca vai morrer. Se adapta, se ajeita, se casa com novas linguagens – mas nunca morre.


Miradas Digitais gentilmente me convidou para indicar a vocês algumas dessas pérolas, verdadeiros tesouros da juventude, pinçados do vasto cardápio digital infantil recente do Sesc São Paulo. Vou me arriscar a indicar meia dúzia de atrações que vão servir de base para você se iniciar nesses deleites virtuais, com sua família toda ao lado – e depois seguir vendo todos os outros.


Você sabia que uma tragédia tão complexa de Shakespeare, como Hamlet, pode, sim, virar obra infantil, com linguagem de palhaçaria? Pois foi o que fez a Cia. Vagalum Tum Tum, em O Príncipe da Dinamarca. Caveirinhas passeando e cantando pelo cemitério vão entreter a família toda e, de quebra, iniciar as crianças, de forma divertida, no universo tão imaginativo de um dramaturgo que, dizem, “inventou o humano”.

Outra maravilha que se deu muito bem no vídeo foi Isso É Coisa de Criança!, da Cia. Truks de Animação. É uma excelente chance de você mostrar para as crianças que no teatro os objetos ganham vida e outros significados. Um sapato pode ser um peixe, uma chaleira pode fazer “suco da imaginação” e uma caixa de papelão vira foguete. As cenas são todas estimulantes para a fantasia sem limites das crianças.


E, por falar em imaginar, Dom Quixote, com a CIA. UM, usa como enredo o clássico romance de Miguel de Cervantes para falar com as crianças sobre o poder dos livros na formação de nossas identidades, as leituras como molas propulsoras de nossos sonhos, como fontes inesgotáveis de material imaginativo. É também uma bem-contada história de amizade entre um velho delirante e seu fiel enfermeiro. Atração perfeita para todas as idades.


Uma aula de delicadeza, por duas palhaças encantadoras. Assim é O Jardim do Imperador, da Cia. Pelo Cano, que aborda uma fábula inspiradora: um velho rei precisa escolher o herdeiro de seu trono e resolve entregar uma semente a cada criança do reino, avisando que o sucessor será aquele que cultivar a flor mais bela, após um ano.


Para encerrar esta lista de boas miradas, indico duas dramaturgias incríveis de um mesmo autor, Marcelo Romagnoli: Terremota, com a Cia. Bendita, sobre uma garotinha fantasiosa, que transforma sua sala em praia num dia chuvoso, e O Menino Teresa, sucesso da Banda Mirim, sobre outra garota sapeca, interessada em desvendar como é que vivem os meninos. Romagnoli faz duas abordagens divertidas e leves para temas que fazem parte da curiosidade das crianças.



Dib Carneiro Neto
jornalista, dramaturgo, crítico de teatro infantojuvenil e editor do site Pecinha É a Vovozinha!

Data e hora

24/11/21—28/11/21

Recomendação etária: Livre

Ingressos: Grátis

Acesse as obras indicadas aqui:
Sesc Digital

Compartilhe

Programação dia a dia | fevereiro 2021